rectimold_imagem_artigo_dep-erosao

Podendo variar em tamanho, tipo ou grau de complexidade, os moldes são equipamentos que permitem a enformação das peças numa máquina. De forma sucinta, pode dizer-se que estes são constituídos por duas metades que se ajustam, definindo um volume, a impressão, com a configuração da peça que se pretende obter.

Dada a tipologia dos moldes concebidos pela Rectimold, estes são, na sua maioria, maquinados com recurso tanto à Retificação como à Erosão.

A eletroerosão, também designada por EDM (Electrical Discharge Machining), é um processo térmico de fabricação, que pode ser usada de duas formas diferenteseletroerosão por penetração e eletroerosão a fio. Na primeira, um elétrodo pré-formado ou formado, feito de cobre ou grafite, é moldado na exata forma que deve reproduzir na peça. O elétrodo dispara cargas elétricas altamente controladas em pontos previamente determinados pelo programa de corte, removendo, assim, micropartículas de metal da ferramenta fabricada, transferindo a forma do elétrodo para a peça. Na segunda, um elétrodo, em formato de fio no diâmetro de uma pequena agulha (ou menos), é controlado pelo computador para seguir um caminho programado e cortar uma ranhura estreita, através da peça de trabalho para produzir a forma necessária.

Graças à produção de moldes por eletroerosão por penetração, a Rectimold consegue, por exemplo, fabricar peças com formas complexas, com superfícies de elevada qualidade, furos irregulares, peças em apenas um processo de operação, consegue ainda preservar as características originais de uma determinada peça, não criando tensões, sendo todo o processo automatizado.

De facto, o setor de erosão encontra-se diretamente associado aos conceitos de precisão e exigência na maquinação de elétrodos, o que se torna crucial para que o produto seja aprovado pelo cliente num curto espaço de tempo. Daí que a Rectimold possua equipamentos de ponta, maquinarias que dispõem de sistemas de robot, com capacidade de armazenamento de elétrodos e paletes, o que permite trabalhar continuamente e sem operador. Não menos importante é a vasta experiência e os conhecimentos que os seus colaboradores possuem, o que garante grande precisão e níveis de acabamento muito finos.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *