A indústria de moldes possui uma longa tradição em Portugal, pelo que o nosso país faz já parte da lista dos principais fabricantes a nível mundial.

Atualmente, existem cerca de 515 empresas de moldes, concentrando-se, a sua maioria, nas zonas da Marinha Grande, Leiria e Oliveira de Azeméis.

No que concerne a moldes para injeção de plásticos, Portugal ocupa o 8.º lugar a nível mundial e o 3.º a nível europeu, exportando 80% da sua produção, essencialmente, para Espanha, Alemanha, França, Estados Unidos da América, Reino Unido, entre outros.

2017 constituiu um ano de referência para esta indústria em particular, ao atingir cerca de 675 milhões de euros em exportações.

Para além de contribuir para a criação de mais postos de trabalho, vários continuam a ser os fatores que estão na origem do sucesso da indústria de moldes, nomeadamente, o planeamento objetivo de produção, o controlo da qualidade, a preocupação com a modernização de equipamentos, bem como o próprio investimento na formação profissional.

É justamente por tudo isto que a Rectimold tem conseguido distinguir-se das demais. A sua vasta experiência e know-how, o cumprimento rigoroso de prazos, como inclusivamente a adaptação às necessidades concretas de cada cliente têm sido preponderantes para a sua evolução e respetivo crescimento.

A par do fabrico para a indústria automóvel, a Rectimold tem vindo a apostar noutras áreas, como a eletrónica, a aeronáutica, a militar e a médica. Ao abranger outras áreas, esta consegue, por um lado, garantir um volume de trabalho constante ao longo do ano; e, por outro, especializar-se na produção para outro tipo de indústrias.

Por estar sempre atenta à evolução e às necessidades do mercado, a Rectimold há muito que é considerada uma empresa de referência no setor de moldes de precisão, propondo-se e superando novos desafios, o que a leva à fidelização de cada vez mais clientes.

Se pretende saber mais sobre a indústria de moldes de precisão, contacte-nos.

 

Fonte: Cefamol (2018): “Exportações da indústria de moldes batem novo recorde em 2017”

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *